Carbono Agroflorestal: uma alternativa para a crise climática

Projeto Poço de Carbono Juruena

Carbono Agroflorestal: uma alternativa para a crise climática

Publicação produzida pelo projeto Poço de Carbono Juruena demonstra como sistemas agroflorestais são eficientes alternativas para mitigar o aquecimento global.

Os resultados do projeto desenvolvido pela Aderjur desde 2009, com o patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental são um exemplo dessa eficiência.

Através das atividades do projeto, vem sendo realizado um trabalho de recuperação de áreas com sistemas agroflorestais, também chamados de SAFs. Estes SAFs procuram combinar diversos tipos de plantas úteis ao homem, como o café, a banana, o cacau, a pupunha, o Ipê, a castanheira, entre muitas outras.

Até o momento no Projeto Poço de Carbono Juruena, 80 tipos diferentes de espécies foram utilizados nos reflorestamentos.
Ao crescerem além de produzir alimento e madeira para serem aproveitados na propriedade, estas plantas absorveram o carbono da atmosfera.

Faça o download da publicação clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.